Notícias

CAP empata com Guarani no gigante do Horto, o pós-jogo a diretoria dispensa dois atletas e contrata outros dois

EMPATE. Sem inspiração no primeiro tempo e gás no segundo CAP só empata com o Guarani em casa

Jogo ruim na primeira etapa e muito quente no segundo tempo, quando a chuva e falta de gás prevaleceram

Fotos Alair Constantino|Dono do Apito

capxgu1

Jogo foi quase igual, com leve superioridade do CAP

O CAP – Clube Atlético Patrocinense – poderia ter saido com resultado melhor na tarde deste domingo em Patrocínio. Empatou com Guarani de Divinópolis, no Estádio Pedro Alves, em 1 a 1, pela 7a rodada do no campeonato mineiro. Davi, cobrando pênlti para o CAP e Charles para o Guarani. O CAP perdeu a chance de assumir, de novo, a quarta colocação.

Na próxima rodada, o Patrocinense vai até Juiz de Fora, no sábado, às 15h30, onde enfrenta o Tupi no estádio no Mário Helênio. O Guarani, joga às 11h, também joga no Mário Helênio, em Juiz de Fora, onde enfrenta o Tupynambás.

O JOGO. O jogo foi muito fraco no primeiro tempo, com as duas equipes começaram no ataque, sem que os goleiros tivessem problemas. O Patrocinense dominou as ações, porem sem sintonia. Parece que a semana conturbada depois do resultado de Nova Lima tirou a tranquilidade do time.

capxgu6

O Guarani queria pênalti e o juiz alegou empurrão do ataque.

As chances vieram de bola parada. O Guarani-MG criou a melhor chance com Renato Xavier, mas o goleiro Júlio César, do CAP, fez ótima defesa. Num chute de fora da área, Davi, do CAP subiu em colocou a mão na bola dentro da área. O Guarani queria pênalti e o juiz alegou empurrão do ataque. O primeiro tempo ficou nisso.

MELHOROU. Na segunda etapa o jogo foi outro. As duas equipes voltaram com sangue nos olhos, embora tenham criado poucas no ataque. As mexidas do Patrocinense – principalmente com as entradas Ângelo e Oliveira – funcionaram melhor.

Após duas boas jogadas no ataque, mais um lance do CAP. Ângeko foi lançado pela direita, entrou na área e foi derrubado por Douglas Santana – que foi imprudente ao dar um carrinho: pênalti. Com tranquilidade, Davi, o melhor do jogo, cobrou e fez – um galaço, se é que em penalti existe isso – , a bola bateu na trave antes de entrar: 1 a 0.

O CAP estava bem. Martelou, mas perdeu ótimas chances – especialmente com Dedê – e com isso não matou o jogo. Aí, chuveu e os jogadores começaram a sentir principalmente caimbas, mas tem alguns casos que parecem preocupar. Bruno Moreno deu um pique no final jogo se sentiu. Como o tecnico já tinha feito as substituições, voltou para o campo. Ângelo parece ter sentido a mesma lesão, mas vamos saber disso nesta segunda-feira.

Já nos acréscimos, aos 47 minutos, o Guarani empatou o jogo. Charles arriscou de longe e fez: 1 a 1. Fim de jogo.

capxgu5

Mesmo com a tarde chuvosa, o publico compareceu em bom número.

Com o resultado, o Patrocinense vai a nove pontos, segue em quinto, mas pode cair para sexto, caso o Tupynambás vença a URT, nesta segunda-feira. O Guarani-MG vai a cinco pontos, na 10ª colocação, mas pode terminar a rodada no Z-2 caso a URT vença o Tupynambás.

PATROCINENSE: Júlio César, Kellyton, Diego Borges, Betão e Ian Barreto; Bruno Moreno, Davi, Dedê e Pavani; Tony Galego e Val Barreto. Técnico: Rodrigo Fonseca.

GUARANI: Leandro, Rodrigo Dias, Paulão, Élder, Magalhães; Alemão, Renato Xavier, Ewerton Maradona; Paulo Morais, Douglas Santana e Pedrinho. Técnico: Gian Rodrigues.

ARBITRAGEM: Emerson de Almeida Ferreira, apitou o jogo, auxiliado por Ricardo Junio de Souza e Emilio Junio Nascimento Santos.

Por Luiz Antônio Costa| Rede Hoje

Fotos: Alair Constantino/ DonoDoApito/ AMC Top Sports

VAI E VEM. CAP dispensa dois, contrata outros dois e tem dois liberados pelo departamento médico

Gabriel ‘Barcos’ e Otacílio Marcos foram dispensados, os atacantes Mirray e Maikon Aquino contratados e Felipe Alves o lateral Jonatan Moc saem do DM

Fotos: Divulgação

aquino-mirray

Os atacantes chegam para treinar e já se integrados ao time

O CAP – Clube Atlético Patrocinense confirmou na noite desta segunda-feira (18), as contratações de dois novos jogadores. O meia-atacante Mirray Leme Vieira, de 25 anos, revelado pelo São Paulo, que estava na Ponte Preta e o atacante Maikon Aquino, também de 25 anos, que estava no Madureira, do Rio de Janeiro. Eles serão apresentados à imprensa nesta terça-feira.

Por outro lado, os atacantes Gabriel ‘Barcos’ e Otacílio Marcos não fazem mais parte do elenco grená.

Mirray, 23 anos, já rodou pelo São Bento, Nacional-SP, Comercial de Ribeirão Preto e até atuou na segunda divisão da Bélgica, no Royale Union Saint-Gilloise.

Maikon Aquino, 25 anos, é centroavante de ofício, Aquino atuou pelo Americano de Campos (RJ), XV de Piracicaba, Caxias e disputou a seletiva do Campeonato Carioca 2019 pelo Madureira.

DM. A boa notícia do dia é que tanto Felipe Alves quanto o lateral Jonatan Moc – que estavam no Departamento Médico – estarão a disposição do técnico Rodrigo Fonseca para o jogo contra o Atlético Mineiro. A , informação foi dada pelo “Mais Um Oline”, que apurou a notícia com o médico Otávio Sia e o fisioterapeuta Otávio Lacerda.

 X 

A partida com o Galo acontece no dia 9 de março, sábado, no Estádio Pedro Alves.

Deixe seu comentário