Notícias

CAP fica no empate diante da Caldense no Ronaldão

Fotos: Renan Muniz assessor de imprensa Caldense. Poços de Caldas, MG – Desta vez o torcedor da Caldense não deixou o Ronaldão comemorando vitória, mas fica aliviado pelo empate conquistando diante do bom Patrocinense. Fotos: Renan Muniz assessor de imprensa Caldense.Fotos: Renan Muniz assessor de imprensa Caldense.

Fotos: Renan Muniz assessor de imprensa Caldense. O time visitante saiu na frente duas vezes, mas a Caldense, na base da luta, buscou o empate em 2×2. Com o resultado a Caldense chega aos 14 pontos e terá que torcer por tropeços de Atlético e Cruzeiro para seguir no G4 ao final da rodada. Fotos: Renan Muniz assessor de imprensa Caldense. Paulo Rene abriu o placar para o Patrocinense aos 14 minutos do primeiro tempo cobrando pênalti. Filipe Souza, também cobrando pênalti, empatou para a Caldense aos 20 minutos do primeiro tempo. Marcelo, de falta, aos 32 minutos da primeira etapa, colocou novamente o Patrocinense na frente. O empate veio aos 14 minutos do segundo tempo com Nathan, de cabeça.

O jogoFotos: Renan Muniz assessor de imprensa Caldense.Fotos: Renan Muniz assessor de imprensa Caldense.Fotos: Renan Muniz assessor de imprensa Caldense.
O torcedor da Veterana novamente foi o grande destaque nesta manhã de futebol no Ronaldão. Em grande número ele incentivou o time o tempo todo. Mas em campo, como era de se esperar, a partida era complicada para a Caldense. Fotos: Renan Muniz assessor de imprensa Caldense. O Patrocinense veio disposto a buscar os três pontos e a Caldense, bastante desfalcada, sentiu. Aos 12 minutos o goleiro Alysson apareceu bem e evitou gol de Giba. Aos 14 minutos o juiz marcou mão de Daniel na área da Caldense. Pênalti para os visitantes, que Paulo Rene bateu no canto esquerdo, sem chances para o goleiro Alysson. O técnico Marcus Paulo Grippi reclamou bastante e recebeu cartão amarelo. Mas a reação da Caldense veio rápido e, na mesma moeda. Aos 17 minutos a bola foi levantada na área do Patrocinense e o goleiro Thiago Passos saiu de forma atabalhoada, atingindo atacante da Caldense. Penalidade marcada e convertida por Filipe Souza, que cobrou a meia altura. 1×1.Fotos: Renan Muniz assessor de imprensa Caldense.
Mas o Patrocinense seguiu incomodando e aos 22 minutos quase marcou o segundo. Filipe Souza tirou a bola em cima da linha. Novamente a bola parada em ação. Marcelo cobrou falta e o goleiro Alysson pulou muito atrasado e viu a bola morrer no fundo das redes. 2×1 Patrocinense.

Segundo tempoFotos: Renan Muniz assessor de imprensa Caldense.
A Caldense voltou para o segundo tempo com Marcos Damasceno em lugar do contestado Matheus Humberto. O jogo começou com o time visitante melhor e a Caldense tentando se acertar de qualquer maneira em campo. Aos sete minutos André Mensalão chutou forte para boa defesa do goleiro Thiago Passos. Fotos: Renan Muniz assessor de imprensa Caldense.Fotos: Renan Muniz assessor de imprensa Caldense. O empate veio aos 14 minutos. Depois de ótima jogada pela lateral bola foi cruzada na cabeça de Nathan, que mandou para o fundo das redes. 2×2 em Poços de Caldas. A Caldense passou a acreditar na virada e partiu para o ataque. Aos 27 minutos Luciano Mandi teve grande chance de marcar, mas Thiago Passos fez defesa milagrosa. Na sobra Luan Costa perdeu gol de forma inacreditável. Em seguinda Daniel acabou expulso e deixou a Caldense com um homem a menos. O Patrocinense voltou a crescer e começou uma grande pressão em cima da Caldense. O time de Poços soube se defender bem e conseguiu manter o empate até o fim. O Patrocinense também teve um atleta expulso no final. Daniel. Empate justo após um bom jogo no Ronaldão.Fotos: Renan Muniz assessor de imprensa Caldense.
O jogo teve um público total de 3.101 pessoas (2.593 pagantes) e uma renda de 41.290.

Fonte: Paulo Vitor de Campos/jornalmantiqueira.com.br

Fotos: Renan Muniz assessor de imprensa Caldense.

Deixe seu comentário