Notícias

MARTINS VENCE SÃO BENEDITO NA FINAL E CONQUISTA TITULO NO CAMPEONATO RURAL 2015.

  Tinha tudo para ser uma grande festa. Arquibancada coberta lotada, três finais da categoria de base com a presença de pais, muitos deles que permaneceram para assistirem ao último jogo do dia e torcedores de duas comunidades envolvidas na grande decisão do Campeonato Municipal de Futebol Rural, mas o era para ser uma final brilhante acabou em pancadaria faltando poucos minutos para o termino da decisão entre São Benedito e Martins.

Dentro de campo as duas equipes corresponderam o torcedor com um belo futebol com um jogo digno de primeira divisão do Campeonato Amador.

O São Benedito jogava pelo empate para ficar com o título e dominou o primeiro tempo chegando a desperdiçar oportunidades importantes. Veio a segunda etapa, e o Martins que ostentava o atual título encarou o adversário, já que precisava da vitória. A bronca do técnico Xerife correspondeu e o time conseguiu fazer 1 x 0 aos 35 minutos com Lucas Edgar que chegava ao 15º na competição.

A partir daí, o Martins passou a valorizar cada minuto, até que Wellington Pinguelinho que havia sido substituído ficou próximo ao gol de Ilton Poti do São Benedito que corria atrás do prejuízo. E em uma bola que saiu pela linha de fundo, o atacante do Martins a chutou para o lado do banco de reservas de sua equipe e isso foi o suficiente para que a confusão fosse formada.

O goleiro do São Benedito teria chutado o jogador que obstruiu a reposição rápida de bola e os jogadores do banco de reserva partiram para cima de Poti. Houve invasão dos torcedores das duas equipes, agressões mútuas dentro de campo a jogadores das duas equipes e depois de aproximadamente dez minutos de muita confusão o árbitro Juscelino Antônio deu a partida por encerrada e com isso o Martins conquistou o tetracampeonato.

Lucas Edgar ainda recebeu o troféu de artilheiro e o goleiro Wellington Rosa do Quero Quero o de menos vazado.

Ficha:

São Benedito: Ilton Poti, Paulo (Tibica), Roberto, Ximba e Felipe; Mazinho, Naldinho, Vaguinho e Vitorino; Rafael (Dunguinha) e Gabriel. Téc.: Nera

Martins: Dione, Dênio (Antônio Jorge), Alex, Sinair e Arthur (José); Carrapicho, Amaurí, Caio e Pinguelinha (Fábio); Sinvaldo (Dourivaldo) e Lucas Edgar. Téc.: Xerife

Arbitragem: Juscelino Antônio, Baltazar de Oliveira e José Eustáquio Estesves

Cartões amarelos: Poti, Paulo e Gabriel (São Benedito); Carrapicho e Sinvaldo (Martins)

Renato Oliveira/Rádio Difusora(fotos)ALAIR CONSTANTINO…Para ver lance a lance clique em leia mais…

Deixe seu comentário