Notícias

Muita comoção antes da partida entre Grêmio Futebol Vilanovense vs Ouro Verde, na sequência Grêmio vence a equipe visitante, segue com vantagem para o jogo de volta na cidade de Arapuá

Um momento de comoção antes da partida entre Grêmio Vilanovense e Ouro Verde, antes da bola rolar os atletas que estavam em campo fizeram uma homenagem ao atleta carmelitano Marcos de Freitas, o jovem que completaria 32 anos faleceu após se afogar em uma represa na cidade de Nova Ponte na última quarta-feira (25).

Atletas, amigos, familiares entraram em campo com uma faixa em homenagem ao jovem. No centro do campo após algumas palavras dos representantes dos dois times de Monte Carmelo, participantes da Copa Amapar, todos os presentes realizaram uma breve oração.

 FOTOGRAFO: Alan Carlos/ DonoDoApito.

Marcos Freitas(na marcação do camisa 10 Mairon Cesar do Grêmio no ultimo clássico contra o Grêmio), conhecido como Foguetinho pelos amigos era uma pessoa muito especial, alegre, companheiro, um grande lutador e amante do esporte assim o definiram seus amigos em diversas postagens nas redes sociais.

Foto: SuperEsportes “A gente não podia deixar passar em branco essa homenagem ao nosso amigo Foguetinho, o Marquinho, apesar de ser o fundador do E C Carmelitano, Foguetinho  teve algumas passagens no Grêmio com a gente também, infelizmente foi uma fatalidade, sua morte foi prematura, mas a gente não pode deixar de ressaltar o legado que ele deixou, Foguetinho pregava muito a amizade, respeito ao próximo, ele não vivia pensando no amanhã, vivia hoje pensando no pessoal que estava junto, convidei o pessoal do Carmelitano que prontamente aceitou o convite de entrar com a gente no campo e prestar essa homenagem ao nosso amigo”, disse Gleicio, presidente do Grêmio Vilanovense.

Era um cara que eu conhecia desde os nove anos de idade, começou tudo lá na Escola Estadual Dona Sindá, o momento é muito doloroso para todos, fico imaginando todas as equipes que ele passou, todos os amigos que ele formou, serve de exemplo para a gente, você nunca viu ele de cabeça baixa, triste, sem sorrir, disse Leo Reis, técnico do E C Carmelitano.

O jovem atualmente era atleta do E C Carmelitano, outra equipe de Monte Carmelo que participava da Copa Regional Amapar e que foi eliminada no último sábado pela equipe do Douradoquara.

Grêmio Futebol Vilanovense vence e segue com vantagem para partida de volta em Arapuá.

A primeira partida válida pelas quartas de final da copa Amapar entre Grêmio Vilanovense e Ouro verde terminou com uma vitória do time da casa após cobrança de pênalti por Diogo.

Após a bela homenagem a Marcos de Freitas e com a bola rolando o que se viu foi um jogo bastante disputado, o Grêmio Vilanovense manteve mais posse de bola e quase cegou a abrir o placar, já o Ouro Verde tentava aproveitar os contra-ataques, mas o primeiro tempo terminou sem gols.

Já a segunda etapa começou com grandes chances para ambas as equipes, mas quem abriu o placar foi a equipe da casa em uma cobrança de pênalti, aos 5 minutos da etapa final, com Diogo. Um dos destaques da partida foi o goleiro João Arlen do Ouro Verde que salvou várias vezes o time visitante.

O Ouro Verde tentou várias vezes, mas aos 35 minutos o número 11 Serginho após uma bola alçada na área, acerta caprichosamente o travessão assustando a equipe de Monte Carmelo e aos 38 minutos Diogo, autor do gol, comete uma falta dura e leva cartão vermelho direto e desfalca a equipe no jogo da volta.

No próximo sábado (5) o Grêmio vai até a cidade de Arapuá para tentar carimbar a passagem para a próxima fase da competição e com a vantagem do empate, mas o treinador já avisou que vai ter mudanças, “a gente vai mudar essa equipe no jogo de lá, consequentemente não vamos jogar tão aberto igual jogamos hoje porque é um grande adversário, e outra coisa, a gente perde muito gol e depois faz falta, pode ver aí que o placar poderia ser maior para o Grêmio, infelizmente na hora do último toque falta um pouco de tranquilidade e competência”, disse Glênio.

Foto: Kaulan Oliveira/ OURO VERDE ARAPUÁ

Arbitragem Associação de Árbitros e Gestores do Triângulo e Alto Paranaíba( AAGTAP), ficou por conta do árbitro Central: Hélio Aparecido, sendo assistente nº1: Júlio César Borges, assistente nº2: Vanda Rosa Lopes, árbitros adicionais; Alair Constantino e Juscelino Antônio.

Fonte da Matéria: jrdocerrado.com / DonoDoApito

Deixe seu comentário