Notícias

CAP joga melhor e vence Mamoré no Bernardo Rubinger de Queiroz.

A derrota na manhã de hoje no “Bernardo Rubinger” para o Patrocinense – 2×0, deixou o Mamoré numa situação crítica no Módulo II do Campeonato Mineiro. Resultado deixou o Sapo em 4º lugar, seis pontos atrás do Boa, seu próximo adversário na quarta-feira, em Varginha.

Patrocinense foi superior no jogo e mereceu a vitória, conquistando três pontos, que lhe valeram a classificação antecipada para o hexagonal final. Mamoré mais uma vez ficou devendo, com uma atuação apagada.

Os dois gols do Patrocinense foram marcados no segundo tempo: Leo Mineiro (8 min) e Dedê (23 min).

 

O comentarista Elton Souza, da Rádio Clube, destacou o atacante Ademir, do Patrocinense, como o melhor em campo, seguido pelo seu companheiro, o meia Dedê.

O Sapo enfrentou muitos problemas: não contou com os zagueiros Michel e Ryan, suspensos pelo terceiro cartão amarelo. Perdeu o volante Radar, que se contundiu no aquecimento antes da partida. E, durante a partida, o zagueiro Luiz Ricardo Rosa acabou sentindo uma lesão e teve que ser substituído pelo atacante Romarinho.

Mamoré: Cristiano, Bruninho, Luiz Ricardo Rosa (Romarinho), Mateus Santana e Michael; Nailson, Luiz Ricardo, Luizinho (Sucupira) e Mucuri; Douglas (Paulo Vítor) e Davi. Treinador: Wallace Lemos.

Patrocinense: Gleisson, Kaíke, Juninho, André Alves e Antonio Carlos (Émerson Silva); Wellisson, Mário César, Émerson Borges (Leo Mineiro) e Dedê; Kilder (Leosinho) e Ademir. Treinador: Rogério Henrique.

Árbitro: Marco Aurélio Fazekas Ferreira; assistentes: Marciano Pires de Lima e Vivaldi Pedro Baeta; quarto árbitro: Eduardo NogueiraSoares (LPD); observador: Cleibimar Rezende Ferreira.

Fonte da Notícia: AGesporte. Fotos:Toninho Cury

Clique aqui para ver a Galeria de Fotos

Deixe seu comentário